sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Resenha: A cabana




A filha de Mackenkie Philip fora raptada durante um período de férias da família e há evidencias de que o sumiço da pequenina resultara em um brutal assassinato, numa cabana.

Quatro anos depois deste ocorrido, “Mack” recebe uma espécie de convite divino para voltar àquela cabana e passar o final de semana. Após contar aos seus amigos e familiares teve de ouvir vários comentários do tipo “É uma cilada”, “Não vá, pode ser perigoso”. Ignorando a tudo isso, Mack resolve ir e lá tem uma experiência um tanto diferente.


Deparando-se com a Trindade (Pai, Filho e Espírito Santo), Mack surpreende-se. Pelo fato de serem descritos de forma jamais imaginada, podemos nos imaginar no lugar dele. Este curto período que passam juntos serve para Mack como aprendizado, em todos os aspectos de sua vida. Mack também pode interrogar Deus, esclarecer suas dúvidas.

Ao decorrer da história Mack realiza tarefas diárias e aprende lições, preciosas para o seu “eu espiritual”. O livro tenta passar que o amor incondicional de Deus é o que basta para a vida de qualquer pessoa, amando-O também viveremos debaixo de Sua graça.

Quase no finalzinho acontece algo a Mack que poderá pô-lo em dúvida sobre o final de semana tão especial, sobre os ensinamentos e sua conclusão sobre isto. Depois desta experiência Mack aprendeu que somente Deus poderia preencher o vazio de sua vida, aprendeu também a suportar a dor da perda e a conviver bem em seu lar.

A resenha ficou curtinha pois não queria contar muito da história, muitas pessoas amaram, já outras como eu... nem tanto. Achei a história meio parada, não gosto de livros com temática religiosa. Desejo boa leitura a quem ainda não leu, e quem já leu, expresse sua opinião comentando! 

Sinopse:

A filha mais nova de Mackenzie Allen Philip foi raptada durante as férias em família e há evidências de que ela foi brutalmente assassinada e abandonada numa cabana. Quatro anos mais tarde, Mack recebe... leia mais uma nota suspeita, aparentemente vinda de Deus, convidando-o para voltar àquela cabana para passar o fim de semana. Ignorando alertas de que poderia ser uma cilada, ele segue numa tarde de inverno e volta a cenário de seu pior pesadelo. O que encontra lá muda sua vida para sempre. Num mundo em que religião parece tornar-se irrelevante, "A Cabana" invoca a pergunta: "Se Deus é tão poderoso e tão cheio de amor, por que não faz nada para amenizar a dor e o sofrimento do mundo?" As respostas encontradas por Mack surpreenderão você e, provavelmente, o transformarão tanto quanto ele.

Avaliação:

★    



- Larissa M.



18 comentários:

  1. Parabéns pela resenha Larissa! Já li A Cabana e curti bastante. Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Hey, Larissa!

    Li esse livro há uns 3 ou 4 anos, não me lembro, mas sinto muita vontade de relê-lo!
    "A Cabana" é um lugar especial para o qual é sempre bom a gente voltar de vez em quando.

    Beijo grande!

    ResponderExcluir
  3. Eu já li o livro, gostei bastante. Mas achei o tipo de livro escrito por alguém sem conhecimento de escrita profissional, não que eu tenha, mas sei lá.
    É um livro fácil de ser lido, teve horas que achei ele uma chatice e um tédio, mas passa uma mensagem muito bonita.

    Bjão!

    livronasmaos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Ótima resenha, o livro deve ser ótimo :3
    space-sweet-girl.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Tenho muita vontade de ler A Cabana, parece ser um livro tão interessante, pois jáli várias citações! hehe Parabéns pela resenha!
    http://paraleloindie.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oie La.
    Eu fui uma das pessoas que amou esse livro.EU me emocionei bastante com o livro e sofri demais com a busca de Mack por sua filha.
    Beijos

    Jéssica Rodrigues
    Leitora Sempre
    http://leitorasempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. JÁ ESTÁ SENDO EXIBIDO NO BLOG OS DESTAQUES DA SEMANA, VEJA, TENHO CERTEZA DE QUE VOCÊ VAI GOSTAR!
    Aos Dezesseis Anos - Blog | Twitter | PageFB

    ResponderExcluir
  8. Sinceramente tb detestei este livro.
    Nem terminei de lê-lo na verdade
    achei fraquinho, ou talvez eu é q nao tneha conseguido me envolver com a historia ;s
    beijos
    http://nolimitedaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Larissa, que pena que você não gostou de a cabana. Eu achei maravilhoso. Obrigado pelo comentário lá no blog, seja sempre bem vinda! Abraços!

    Jean e Kivia
    http://cabanadoslivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi, Larissa.
    Como você, eu também dei duas estrelas e não consegui amar a história como tanta gente.
    Não desceu muito bem a história da Trindade :s

    Gislaine Alves
    atualizado, comenta?
    Jeito Inédito
    {ah, eu tô seguindo. Se quiser retribuir ficarei muito agradecida :D}

    ResponderExcluir
  11. Eu já li este livro e realmente é como você disse... Ele é meio parado e eu até mesmo tinha deixado ele de lado por um bom tempo. Mas no final da leitura eu me senti com um dever cumprido. Gostei do livro sim, mais não posso afirmar que ele entrou na lista dos meus favoritos.
    Bjos.

    http://absortoemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Você ganhou um selinho do blog Verdades do Meu Cotidiano. Veja aqui: http://verdademeucotidiano.blogspot.com.br/2013/01/selinho.html

    ResponderExcluir
  13. Esse é um livro diferente né?
    Meio sonso, digamos assim.
    Mais gosto muito da temática e das frases dele.
    Acho algo inspirador, e pra pensar!
    Beijos
    http://2bookgirls.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Ao mesmo tempo que quero ler também não quero, não sei porque mas acho que não é o meu momento de leitura ideal para esse tipo de livro agora ^^

    Beijos.
    Guilherme.
    http://umcompulsivoleitor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Li este livro há algum tempo atras e tinha muitas expectativas com ele, mas acabei me decepcionando, o início é muito bom, bem emocionante, o argumento do autor também é bom, mas eu não aprecio muito livros religiosos então acabei não ficando vidrado na leitura.
    Abraços.

    http://viciadoemlivrosefilmes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  16. A cabana é um livro bom. Um ótimo livro que é semelhante a esse, é O Refúgio Esquecido, aborda relacionamento com Deus, perdão, caridade, amor e fraternidade. Existe alguns trechos desse, nesse blog:
    http://felipetogni.blogspot.com.br/p/trecho.html

    ResponderExcluir
  17. Oi adorei sua resenha...mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos..acesse o link..www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?nitem..

    ResponderExcluir
  18. Eu, mesmo não sendo católico ou cristão (sou o tipo de pessoa pagã que acredita em todo tipo de força, seja ela boa ou ruim) fiquei apaixonado pela história do livro e muito mais do que isso, amei a forma que foram representadas as divindades sem o mesmo padrão de sempre. Esse é um livro que eu lerei mais vezes e que recomendo para qualquer um, não importa a religião ou crença.

    Meu Blog: www.umcontainer.com

    ResponderExcluir

 

Garota meio-sangue Template by Ipietoon Blogger Template | Gadget Review